Perenialismo e demais luciferismos

Já devo ter falado o suficiente sobre eurasianismo, porque é um movimento oportunista e de nítidos caracteres fascistas.

Talvez eu devesse falar algo sobre o perenialismo…

GUENON

Meu afastamento do tradicionalismo em geral e do perenialismo, em particular, nada tem a ver com minha aproximação do marxismo. Até porque são coisas diferentes.

Aproximei-me do marxismo por conta de estudos em teoria cultural e do discurso em um percurso truncado e também por identificar claros traços fascistas e oportunistas no eurasianismo. Por isso dele me afastei.

Do perenialismo eu me afastei por causa da Ortodoxia, do cristianismo. Realmente, eu talvez não estivesse preparado para enfrentar o furacão de debates se dando entre pessoas que eu respeitava, pessoal e intelectualmente, sobre a natureza anticristã e antitradicional do tradicionalismo. Mas o fato é que mesmo ainda afirmando que as posições de Guenon contra a modernidade, bem como suas exposições e estudos sobre metafísica em geral e sobre as tradições, especialmente a hindu em particular, eram excepcionais, brilhantes, cirúrgicas, isso não muda o fato de que a natureza de sua aproximação desses estudos era dúbia, obscura.

Falar de Schuon nem precisa. É uma coisa simplesmente tóxica. Para constatá-lo, se não bastam seus livros, é só verificar a figura esquálida de Olavo de Carvalho, discípulo direto das deformações mentais da seita schuonista.

schuon.turban

Evola talvez seja ainda mais perigoso porque apesar de suas posições ultrarreacionárias serem claras ele se afirma como claramente antiliberal, diferente das prostituições que Schuon faz com o liberalismo, o hedonismo e seu voluntarismo.

b63c2b301d612489ee568d644ef26e72

Independente disso, estamos diante de um tipo de fascismo espiritual. Toda a hierarquização, subordinação mestre-discípulos, cacoetes esotericistas, todas as sistematizações metafísicas que antes obscurecem a essência espiritual das tradições que as revelam, a guerra de ódio contra a modernidade sem nem mesmo um esforço mais profundo na sua compreensão e análise, todos os fanatismos políticos e os desvios espirituais sérios de um tipo de ‘virilidade espiritual’, e mesmo luciferismos extremamente danosos.

A simples ideia fundamental por trás do perenialismo, o de elites espirituais controlando os destinos da humanidade fraca é uma deturpação de todos os sistemas metafísicos tradicionais pelo estupro de sua profunda pessoalidade e centralidade na experiência. Talvez pese muito aqui a influência do nominalismo ocidental, mas há algo mais nocivo e essencial aqui: é profundamente anticristã, até mesmo satânica, luciférica, o espírito de desprezo, de arrogância espiritual, de liderança cega e surda, de controle e dominação pela força da doutrina cega, dos princípios sem vida e sem amor.

dante11.jpg

Essa reflexão não foi fruto de dias ou semanas, foi de meses, meses de confrontamento turbulento entre as minhas mais altas e ingênuas esperanças e construções mentais e a realidade torpe apresentada naqueles debates onde, por causa de Guenon, teve até gente que entrou na Igreja, mas muitos também apostataram por causa dele e seus seguidores ‘metafísicos’.

O perenialismo é uma droga forte. Eu só tenho a agradecer a Deus por ter conhecido a Ortodoxia antes disso (foram contatos na Igreja que me levaram a Evola e Guenon, e não o contrário) e por ter tido um contato tão forte com Cristo, uma experiência tão intensa da Sua Presença. Mesmo assim me embriaguei com essa substância tóxica.

dante-7388671

Mas felizmente Cristo era forte e grande demais pra eu trocá-lo por esses livretos elitistas e intelectualizantes de gente que se colocava acima dos santos.

Anúncios

Um comentário sobre “Perenialismo e demais luciferismos

  1. Seu blog é muito bom, amigo. Tmb saí do lixo perenialista e gnóstico para me converter à Cristo, no caso ao catolicismo. Primeiro me tornei franciscano, depois católico propriamente dito. Apesar das divergências teológicas, amo a mística ortodoxa e tendo seguir os conselhos dos padres do deserto, embora de forma leiga e tendo como arquétipo o frade, não o monge.
    É impressionante notar como o esoterismo é atrativo à quem possui uma tendência à mística, mas logo após a conversão agt percebe o quanto é inferior a mística luciférica, cheia de imperfeições e abstrai tanto o que é cristocêntico, aquele ponto fixo que devemos seguir, sem sermos reacionários nem progressistas demais, algo típico das fraternidades satânicas que tanto levam os homens ao erro.

    É sempre bom vermos que não estamos sós. Junto comigo muitos perenialistas se converteram tbm, foi algo parecido com um milagre.
    Deus é perfeito e bondoso demais!

    Pax et Bonum!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s